NYFW Outono/Inverno 2018 - Destaques

sexta-feira, fevereiro 17, 2017

Desfile Altazurra. Foto: Antônio Barros

A semana de moda de Nova York (NYFW) começou a todo o vapor no dia 9 de fevereiro e encerrou ontem (16). Marcas renomadas do mundo todo apresentaram as suas criações para o Outono/Inverno 2018 na gringa, e as tendências logo já cairão no gosto do globo. Selecionei alguns destaques, confira:


Jeremy Scott
O icônico Jeremy, que também assume a direção criativa da Moschino, coloriu a passarela e a encheu de texturas. Destaque para os tons de azul claro, que apareceram por muitas vezes. O veludo com efeito molhado já é hit no mundo todo e Jeremy reforçou a tendência. Destaque também para os metalizados, trench coats e para as estampas extravagantes e criativas.

Calvin Klein
Shapes clássicos, color block, efeito molhado, cinturas superaltas e croppeds com recortes foram os destaques na passarela. O comprimento midi foi o favorito da criação. Vale lembrar que agora quem assume a direção criativa da Calvin é Raf Simons, ex-Dior. 

Diane Von Furstenberg
A estilista apostou no mix de texturas e nos shapes estruturados. Destaque também para as listras.

Carolina Herrera
A clássica e extremante feminina Carolina Herrera apostou no couro, nos brilhos e nos comprimentos longos. Teve espaço para laços, babados, plissados e para o clássico P&B. O grande destaque da coleção ficou por conta da camisa branca, que apareceu de várias formas, provando que é uma peça-chave do guarda-roupa.

Oscar de La Renta
Quando se pensa em Oscar, obviamente já vêm à cabeça a imagem dos seus icônicos vestidos. Mas a direção criativa assumida por Fernando Kim e Laura Garcia cedeu espaço também para outras peças em alfaiataria carregadas de classe. O destaque ficou por conta do oversized, que foi aplicado em várias peças, principalmente nos trench coats.

Sies Marjan
Fluidez, leveza, feminilidade e assimetria foram os elementos chave para a coleção outono/inverno de Sies Marjan. Destaque para o metalizado.

Victoria Beckham
Feminina e contemporânea são as palavras que definem a coleção, que vem repleta de alfaiataria, leves transparências e eu diria até que tem algumas referências masculinas trazidas para as criações. Destaque também para as golas altas. 

Tory Burch
Luxuosa e clássica, o destaque da coleção ficou por conta dos brasões bordados e referências barrocas nos trench coats estampados em dourado.

Michael Kors
A cintura marcada foi o que mais chamou a atenção na passarela de Michael Kors. Cintos largos ganharam espaço na maioria dos looks. Assimetria, sobreposições, casacos e coletes de pele foram as principais apostas. Na cartela de cores muito cinza, preto, verde militar, caramel e marsala. 

Ana Sui 
Ana Sui também teve Kendall Jenner e Gigi Hadid na passarela. Os looks supercarregados, contaram com muito veludo com efeito molhado, sobreposições, transparências e mix de texturas e estampas.

Ralph Lauren
O estilista teve o metalizado como grande aposta. A alfaiataria feita de forma minuciosa e os fluídos com uma leve assimetria encantaram o público. A passarela foi toda coberta com flores, o que parecia um verdadeiro "País das Maravilhas".

Marc Jacobs
Marc Jacobs encerrou a temporada com chave de ouro. Ele levou uma pegada esportiva e urbana para a passarela e além dos tons neutros, ele apostou em cores quentes - como o vermelho - para aquecer o inverno novaiorquino. Destaque para os casacos de pele, chapéus e botas. O sleepdress está em alta!

Essa edição do NYFW provou que a textura é a tendência do momento e que o inverno pode ser  sim colorido (e muito!). Espero que tenham gostado. Em breve tem post sobre as semanas de moda europeias.

Beijos!


Você também poderá gostar

0 Comentários

Atenção: Seu comentário estará visível após ser aprovado

Curta no Facebook

Receba novidades no seu e-mail

Digite o seu e-mail: